Barcelona 1936, a Olimpíada Popular que não aconteceu

Como estamos próximos da Olimpíada do Rio de Janeiro, vamos nos lembrar de uma Olimpíada quase esquecida: a Olimpíada Popular de Barcelona de 1936. Completam-se 80 anos. Foram jogos quase esquecidos porque nunca aconteceram.

Em 1936, Berlim sediaria os Jogos Olímpicos oficiais. A escolha de Berlim como sede ocorreu em 1931, antes do Hitler tomar o poder. Berlim venceu Barcelona por 43 votos a 16. Um detalhe menos relevante: assim como várias outras cidades, o Rio de Janeiro também se candidatou. Teve zero voto.

O governo esquerdista da República Espanhola, eleito em 1936, decidiu boicotar os jogos de Berlim em protesto contra o regime nazista. Decidiu também organizar seus próprios jogos, a Olimpíada Popular de Barcelona, agendada para ter início em 20 de julho. Seis mil atletas de 22 países se inscreveram. As maiores delegações foram dos Estados Unidos, Reino Unido, Holanda, Bélgica, Tchecoslováquia, Dinamarca, Noruega, Suécia e Argélia. Tinha também exilados da Alemanha e da Itália. Os atletas foram enviados por sindicatos e partidos de esquerda, e não por comitês oficiais.

A cidade de Barcelona dispunha de instalações por causa da Exposição Internacional de 1929. Um estádio olímpico já havia sido construído para aquele evento. Os hotéis construídos para aquele evento seriam utilizados como Vila Olímpica.

Em 18 de julho, ocorreu a tentativa de golpe e o consequente início da Guerra Civil Espanhola. Os jogos tiveram que ser cancelados. Alguns atletas ainda nem tinham chegado. Outros já tinham e tiveram que ir embora às pressas. Outros se juntaram à resistência pela República.

Poucos dias depois, ocorreram os jogos oficiais em Berlim. Em 1939, a Guerra Civil Espanhola terminou com a vitória das forças golpistas do General Franco, que tiveram apoio da Alemanha Nazista. O regime de Franco durou até 1975. Em 1992, Barcelona sediou os Jogos Olímpicos oficiais.

https://en.wikipedia.org/wiki/People%27s_Olympiad

barcelona 1936

Comentários