Apoiem candidatos a vereador que têm compromisso com o Estado Laico

Por causa dos recentes acontecimentos da política brasileira, tenho receio de que parte dos eleitores de esquerda se desiluda tanto com a “democracia” representativa brasileira, que resolva se abster das próximas eleições municipais, que ocorrerão no dia 2 de outubro. Tenho receio que slogans como “não vote, lute”, ou “revolução sim, eleição não” incentive abstenções de esquerda. Isto ajudaria apenas as forças políticas mais retrógadas do Brasil. Temos que lutar e votar. Não são excludentes.

Devemos observar não apenas as eleições para prefeito, como também as eleições para vereador. As bancadas fundamentalistas religiosas estão causando grande estrago nos legislativos dos três níveis de governo. É muito importante prestar atenção na composição das câmaras municipais. Como os municípios são responsáveis por grande parte das atribuições de educação e saúde, é preciso estar atento à atuação de fundamentalistas religiosos querendo cagar suas regras nas câmaras municipais.

Existe o risco muito grande de várias câmaras municipais aprovarem leis a favor da “Escola Sem Partido”, leis contra a “ideologia de gênero” nas escolas, leis que estabelecem orações obrigatórias em escolas municipais, leis que dificultam a realização do aborto até mesmo nos casos em que a lei brasileira reconhece como legal.

Portanto, nestas eleições municipais, procurem candidatos a prefeito e também candidatos a vereador que combatam este fundamentalismo religioso. Façam campanha por eles. Doem dinheiro, distribuam panfletos, divulguem essas candidaturas na Internet! Conversem com os familiares e amigos, tentem convencer até mesmo os que não são de esquerda do ponto de vista da luta de classes mas que são progressistas em outros temas.

O Estado Laico é o básico, não deveria ser mais do que a obrigação! Poderíamos lutar por muito mais. Mas se estamos vivendo uma situação tão triste, que até mesmo lutar pelo básico é necessário, que assim seja!

camara-rio

Comentários